Protesto

Desde a intimação pelo Tabelião de Protesto, qual o prazo mínimo dado ao devedor para pagamento de título em cartório?
Em quais situações deve o credor pagar os emolumentos referentes ao cancelamento?
É possível desistir-se de um protesto?
É possível o protesto por falta de pagamento, de duplicata vencida e não aceita?
É possível protestar título prescrito?
Gostaria de saber se é possível o protesto de duplicata/cheque de qualquer época passada. Existe um prazo limite para o protesto de títulos?
O Código do Consumidor obriga a comunicação ao devedor de que seu nome será inscrito nos órgãos de proteção ao crédito. No caso de protesto a legislação exige alguma comunicação antecipada antes de remeter o título ao cartório de protesto?
O credor pode cobrar do devedor os emolumentos da desistência do protesto?
O que ocorre com quem, apresentando um titulo a protesto, indica um falso endereço do devedor?
Onde encaminhar um título a protesto?
Pode-se embutir juros ou comissão de permanência no protesto de algum titulo?
Pode-se protestar avalista ou endossante?
Poderão ser protestados títulos e outros documentos de dívida em moeda estrangeira, emitidos fora do Brasil?
Preciso protestar um cheque, emitido por duas pessoas, com conta conjunta. No cheque, apesar de apenas uma delas ter assinado, aparece o nome e CPF das duas, então o Cartório vai intimar ambas ou apenas a que eu indicar?
Quais as alíneas de devolução bancária de cheques que não podem ser objetos de protesto?
Quais os requisitos para protestar um titulo por falta de aceite?
Qual a competência do protesto de cheques?
Qual a diferença entre levar um título a protesto diretamente no Tabelionato de Protesto ou no Ofício de Distribuição?
Qual o prazo para protesto?
Ver todas as categorias